domingo, 24 de janeiro de 2016

A HORA CERTA DE TROCAR O SOFÁ, O TAPETE, O TRAVESSEIRO E O COLCHÃO


Diferente dos alimentos com data de validade, móveis e acessórios da casa não trazem junto a informação de quando devem ser aposentados. Isso faz com que muitas peças desse tipo sejam usadas por mais tempo do que realmente deveriam e, em alguns casos, isso pode afetar até a saúde dos moradores. Explicamos: um colchão muito antigo acaba prejudicando a coluna. Já um travesseiro velho pode acarretar em problemas respiratórios. Por isso, veja abaixo qual a hora certa de trocar diversos itens da casa:

1. Sofá
Um sofá velho também é um dos maiores vilões da coluna. A americana Jennifer Litwin, autora do livro Best Furniture Buying Tips Ever (algo como Melhores dicas para comprar móveis, 2005, Editora House of Collectibles) alerta que um bom modelo pode resistir por até 15 anos.

2. Tapete

Tudo vai depender do tipo do tapete e da sua manutenção. De maneira geral, um modelo simples pode durar até 5 anos, já um de qualidade média atinge até os 15 anos e um top de linha pode resistir por longos 25 anos.

3. Colchões

Para ter boas e confortáveis noites de sono, tente não esperar mais do que 8 anos para trocar o seu colchão. É o que recomenda o National Sleep Foundation, instituto americano que estuda o sono. Isso vale para todos os tipos: de mola, camas box e até mesmo colchão d’água.

4. Travesseiro

Se você lava os travesseiros regularmente de 6 em 6 meses, eles provavelmente devem durar cerca de 2 anos, de acordo com a Kansas City Allergy and Asthma Associates, associação americana que estuda alergias e asma. Caso contrário, faça o teste: dobre-o ao meio e, se ele não se abrir automaticamente, significa que já passou da hora de trocá-lo.

5. Lavadora

O site americano de pesquisa e defesa do consumidor Consumer Reports recomenda trocar esse tipo de aparelho com até 8 anos de uso. O importante é fazer essa troca antes da sua máquina começar a estragar algumas peças de roupa ou precisar de muitos reparos.

Fonte: Casa e Jardim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário